Sobre você!


Leia Ouvindo: Humberto Gessinger - Somos quem podemos ser

Há muitooo tempo me deparo com algo que muito tem me incomodado: o padrão quem a sociedade nos impõe. Não deveria ser assim, não em pleno século XXI. Vai pensar de maneira diferente da maioria pra ver o mimimi que dá e que você vai ter que lidar...

As pessoas não deveriam se envergonhar do que vestir, do jeito que usa seu cabelo, de quem decidiu namorar e se quer namorar. E minha querida, se você ainda não chegou na casa dos “enta” aí sim que você é cobrado, para usar sua juventude da maneira que a sociedade acha legal, num determinado padrão, como se “ser” humano fosse padrão, e eu tenho que te dizer que não é. Não mesmo. NO WAY! Ninguém é igual a ninguém, há uma digital somente sua, descubra-a e seja ela porque vai ser lindo desse jeito, vai ser lindo sim! Porque quando você olhar no espelho será o seu reflexo ali: transparente... e não um reflexo alterado por alguém para que você fosse aceito. E te digo mais, minha amiga, você não precisa ter tudo planejado sempre! Darei alguns exemplos:

Em relação a relacionamentos amorosos, você não precisa namorar alguém só pra não ser mais tida como “encalhada”, inclusive, uma vez ouvi alguém falar que encalhada é quem casou errado, já você tem opções. Sim, opções e muitas! Não leve muito a sério essas pesquisas sobre índice de separações, sobre como achar a pessoa “ideal”... o amor não funciona assim, cada caso é único.

Em relação a você ser empregado e não empregador, não se grile, ter seu próprio negócio não é pra qualquer um, precisa ter jeito pra coisa, uma equipe motivada, dinheiro para impostos e vamos combinar que em época de crise isso complica. Seu pai pode até começado o negócio que até hoje é da família, mas não quer dizer que você goste disso. Se você é feliz sendo empregado, seja! Mas vale a dica: não se acomode no seu serviço, estude, se qualifique, seja o melhor que pode ser e tenha certeza que será recompensado por seu esforço. E que tal um concurso público? Mas se quer abrir algo, esteja preparado e se dedique com amor porque sua empresa será seu bebê.

Em relação as pessoas quererem que você viva em outro país porque afinal você é solteiro(a), sem filhos e deveria ir porque “nada te impede”. Uma coisa é ir passear e conhecer lugares incríveis, outra coisa é viver! Tenho amigos que moram fora e têm problemas muito parecidos com luz, água, político corrupto, e pior a maioria deles está longe da família e dos amigos. Não estou falando para não ir, vai sim, se é isso que você quer! Mas só se for isso que quer!

Entendeu? Não precisa seguir modinhas, vontades e expectativas... Problemas em todas as decisões você terá, a diferença é que a vida é muito curta para enfrentar dificuldades que não valem à pena! A vida perfeita de comercial de margarina não existe, quantos ostentadores temos notícias que se matam?!

Mas ser contente por estar fazendo o que gosta, sendo quem quer ser, sem pressa e sem pressão, te torna uma pessoa grata pela vida que tem, ao invés de virar uma pessoa rabugenta! Isso não é ter uma vida medíocre, isso é gratidão! Eu gosto de pegar fruta do pé ao invés de comprar, mas tenho amigas que preferem o contrário e não temos níveis de felicidade alterados por conta disso! Tem gente que é "bela, recatada e do lar", outras "bela, recatada e do bar". Tem gente do dia, tem gente da noite! Tem quem gosta do sal, tem quem prefere o doce! Praia x montanha, sertanejo x rock... O negócio da coisa toda é saber lidar com as diferenças e respeitar quem pensa e gosta de coisas diferentes de você! Sem mimimi! Sem intolerância!

Nenhum comentário

Postar um comentário

♥ Obrigada por visitar o nosso espaço :D
♥ Se preferir comente usando a opção: Comentar como: Nome/URL. Aí é só adicionar seu nome e caso queira, o link de alguma rede social ou se você tiver um blog, deixa o endereço dele pra gente retribuir a visita.