Pular para o conteúdo principal

Siga por email

Textos

Como voltar aos velhos hábitos

1
@joaobertonip / instagram
Eu amava jogar Super Mario World quando era mais nova. Me bateu uma saudade do jogo e fui pesquisar para ver se tinha alguma forma trazer ele de volta pra minha vida. Daí estava vendo um vídeo sobre um emulador de GameBoy pra Android e fiquei só a felicidade ao descobrir que ia ter meu Mariozinho de volta. Em alguma parte disso, por razões ainda desconhecidas, entrei no arquivo de posts aqui do DDG e fui reler meus posts antiguinhos, da adolescência. Assim, do nada. E aí comecei a me perguntar coisas...

Não sei em que momento parei de escrever. Eu costumava escrever sobre tudo, sobre amores que não eram meus, notas diárias sobre minha rotina, escrevia posts sobre tudo, aqui mesmo nesse blog. E em algum momento, não escrevia mais. Não sei dizer exatamente o porquê ou quando. Só sei que passei a me importar demais com o que as pessoas comentavam sobre meus textos, mesmo que fosse para elogiar.

Eu passei a me sentir exposta demais. E achar que ninguém queria ler ou ninguém se importava com o que eu escrevia. Daí eu parei. Percebi mais pra frente que escrevia pelos motivos errados, pelo menos por um tempo. Afinal, eu escrevo e muitos escrevem pelo puro prazer de passar pro papel, o que não cabe mais na mente/coração e precisa transbordar. Pelo puro prazer de querer fazer esses mesmos pensamentos, ideias e opiniões durassem e fossem guardados de alguma forma.

Percebi também que escrever me deixava menos ansiosa. E ai de novo, por que eu parei? Por que a gente para de fazer as coisas que nos fazem bem?

Nesses últimos anos, eu passei por muitas coisas, boas e ruins, aprendi com elas, sobrevivi a todas elas, grazadeus. Queria em muitos momentos ter escrito sobre, mas decidi manter só pra mim. Acho que foi necessário. Só que agora, eu sinto a mesma vontadezinha de anos atrás, a mesma que a de jogar Super Mario World de novo kkk. E espero que ela fique por muito tempo.

Assim como aconteceu comigo, pode acontecer com você. A vontade de voltar àquele hábito que fazia um bem danado, que deixava sua vida mais leve e que você deixou de lado. Andar de bicicleta, andar atoa pela cidade, colecionar alguma coisa, etc. Essa vontade começa bem devagar, do nada. Seu subconsciente joga essa linha de pensamento na sua mente e você se perde numa nostalgia sem fim. E é nesse momento que você precisa se apegar a ideia, se questionar e não deixar ela passar em branco! Afinal, se fazia bem, que mal tem fazer de novo?😉

Comentários

  1. Andressa Franco12 setembro, 2017

    Amei o texto, de uma certa maneira me vi muito nele.

    Sucesso, beijos! ♥

    http://barbiemoderna7.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

♥ Obrigada por visitar o nosso espaço :D
♥ Se preferir comente usando a opção: Comentar como: Nome/URL. Aí é só adicionar seu nome e caso queira, o link de alguma rede social ou se você tiver um blog, deixa o endereço dele pra gente retribuir a visita.